Por uma nova cultura política no movimento estudantil

Nos dias 23 e 24 de maio, ocorreu o primeiro Seminário de Formação Política da gestão AnimaDACO. Nos reunimos durante o final de semana em Maricá para conversar sobre militância e a necessidade de novas práticas para superar velhos vícios no movimento estudantil.

No sábado, a conversa girou em torno de  temas mais gerais. Abordamos política, conjuntura socioeconômica e a inserção dos profissionais da Comunicação no contexto neoliberal e nas mobilizações sociais. Para fomentar as discussões, assistimos aos documentários: Privatizações: A Distopia do Capital, de Silvio Tendler, e Brad: Uma Noite Mais nas Barricadas.

No segundo dia, lemos o texto Nós Não Vamos Pagar Nada: Unificando Diferentes para Fazer a Diferença. A partir da leitura, reforçamos a importância de se construir um movimento estudantil que seja de fato democrático, plural e autônomo. Debatemos o movimento estudantil da UFF e planejamos um calendário de atividades de greve. Ao final, ressaltamos a necessidade de encontramos assim, em que podemos refletir sobre as práticas e traçar novas perspectivas.

daco

Thayane, Fernanda, Isabella, Manu, André e Samantha: sonhos compartilhados