ENECOS

ENECOS

A ENECOS, como é hoje, surgiu em 1991, mas a idéia de uma organização nacional dos estudantes de comunicação social não é nova. Executivas – ou apenas comissões organizadoras de encontros nacionais – existem desde a criação dos cursos. A primeira organização deste tipo que se tem notícia é dos anos 70. De lá até hoje, essa organização nacional tem sido irregular e conturbada, passando por fases de muita discussão e disputa política ou de completa desarticulação.

O importante é que a ENECOS tem o papel de aglutinar e representar os estudantes de Comunicação do país em torno de várias questões levantadas e que costumamos chamar de nossas bandeiras de luta: a Democratização da Comunicação, a Qualidade de Formação do Comunicador Social e o Combate às Opressões.
Além de articular a luta dos estudantes, a Enecos organiza encontros de comunicação, que são os espaços onde podemos trocar idéias e organizar atividades em conjunto com pessoas do país inteiro. Fora o Enecom, existe também o Cobrecos, o Conecom e os Erecom’s. Como o Brasil é muito grande e tem muitas escolas de comunicação, a Enecos divide o país por regionais a fim de facilitar o contato com elas. Além das regionais, a atuação do Movimento Estudantil de Comunicação (MECom) também acontece através dos Centros ou Diretórios Acadêmicos (CAs/Das) e dos Coletivos.
Lembramos que a Enecos possui Grupos de Estudo e Trabalho (GET’s), que são grupos que estudam e produzem material sobre as nossas bandeiras de luta.

Grupos de Estudo e Trabalho (GETs): A criação dos Grupos de Estudo e trabalho da Enecos ocorreu em 2001, durante o Cobrecos realizado em São Paulo. Estes grupos têm o objetivo de agregar estudantes interessados em estudar, debater e elaborar ações que coloquem em prática as propostas de tranformação social construídas pelo MECom. O trabalho dos GETs é desenvolvido via Internet, através das listas de discussão e das conversas virtuais que são organizadas pelos integrantes de cada grupo. Os encontros ao vivo ocorrem apenas durante os já citados encontros que a Enecos promove ao longo do ano. Qualquer estudante pode participar de quantos GEts quiserem, mas é importante conseguir acompanhar os debates e participar ativamente da construção das ações.

Para conhecer melhor a nossa Executiva, acesse o site.